Comunicação Social

Convenção da OIT sobre trabalho infantil conquista ratificação universal

A Convenção Nº 182 sobre proibição das piores formas de trabalho infantil e ação imediata para sua eliminação  alcançou ratificação universal, após sua ratificação pelo Reino de Tonga. A embaixadora do Reino de Tonga, Titilupe Fanetupouvava’u Tuivakano, depositou formalmente os instrumentos de ratificação com o diretor-geral da OIT, Guy Ryder, em 4 de agosto de 2020.

TRT-15 e MPT destinam R$ 1,6 milhão para ações contra a Covid-19 em Jundiaí

Entre os meses de abril e junho de 2020, o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15) e o Ministério Público do Trabalho (MPT)  destinaram verbas provenientes de indenizações e multas trabalhistas, no valor total aproximado de R$ 1,6 milhão, para o enfrentamento da Covid-19 na cidade de Jundiaí (SP), a partir da contribuição com iniciativas locais.

Açougueiro acidentado em trabalho é indenizado em R$ 28 mil por danos morais e estéticos

No período de dois anos, o trabalhador que atuava como açougueiro no Supermercado Elias e Moreira Ltda. sofreu dois acidentes de trabalho. O primeiro, um acidente de trânsito, quando se deslocava de uma unidade a outra do empregador com sua moto, e o segundo, quando usava a máquina tipo “serra-fita”, com a perda de parte de dois dedos da mão direita.

Depósito recursal: novos valores passam a vigorar em 1º de agosto

O Tribunal Superior do Trabalho divulgou os valores referentes aos limites de depósito recursal que passarão a vigorar a partir de 1º de agosto de 2020. Pela nova tabela, o limite do depósito para a interposição de recurso ordinário passa a ser de R$ 10.059,15. Nos casos de recurso de revista, embargos e recurso em ação rescisória, o valor será de R$ 20.118,30. 

“Chapa” acidentado na empresa é indenizado em R$ 30 mil por danos morais e estéticos, além de pensão vitalícia 

A 2ª Câmara do TRT-15 condenou a empresa Tubos Oliveira Ltda. a pagar R$ 20 mil de indenização por danos morais, R$ 10 mil por danos estéticos e ainda uma pensão vitalícia, numa única parcela, a ser calculada em 6% do salário mínimo, desde a data do acidente sofrido pelo trabalhador até a data em que ele completar 76 anos.

Pandemia reforça importância da saúde e da segurança no trabalho

27/07/20 - A saúde e a segurança do trabalho são alguns dos focos de atuação da Justiça do Trabalho, especialmente por meio do Programa Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Trabalho Seguro), e merecem destaque neste 27 de julho - Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho. O contexto da pandemia e da crise econômica e sanitária reforça a existência de diferentes realidades no ambiente de trabalho, com pessoas exercendo suas atividades em home office e outros prestando, presencialmente, serviços essenciais à população.

Acordo promovido pela VPJ encerra greve de empresa do setor de transporte público

Um acordo firmado no dia 21 de julho de 2020, entre a empresa Praiamar Transporte Eireli, concessionária do serviço de transporte público urbano de passageiros no Município de Caraguatatuba e o Sindicato dos Motoristas, Trabalhadores nas Empresas de Transportes de Passageiros Urbanos, Metropolitano, Rodoviários, Transportes de Cargas Secas, Líquidas em Geral, Limpeza Urbana Pública e Privada e das Categorias Diferenciadas do Litoral, após duas audiências de conciliação conduzidas pela Vice-Presidente Judicial, desembargadora Tereza Aparecida Asta Gemignani, encerr

Família de tratorista morto em acidente de trabalho é indenizada em R$ 600 mil mais pensão vitalícia

A 4ª Câmara do TRT-15 condenou uma microempresa prestadora de serviços de jardinagem, um condomínio residencial e, solidariamente, uma empresa do ramo imobiliário, ao pagamento de R$ 600 mil reais de danos morais e mais pensão vitalícia no valor de um salário mínimo, à família de um trabalhador morto em acidente de trabalho. 

Coleprecor discute parceria e construção de agenda positiva com a OAB

A parceria entre a Justiça do Trabalho e a OAB e a criação de uma agenda positiva para fortalecimento da especializada perante o Congresso Nacional foi discutida durante reunião realizada na quarta-feira (22/7) pelo Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho (Coleprecor), a 6ª na modalidade telepresencial desde o início da quarentena da covid-19.

TRT-15 mantém produtividade e reduz em 15% quantidade de processos pendentes

As dificuldades trazidas pelo trabalho remoto compulsório imposto pela pandemia vão, aos poucos, sendo superadas por magistrados e servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região. Durante o primeiro semestre, para cada 100 processos recebidos nas varas do trabalho e nos gabinetes outros 99,5 foram solucionados. De acordo com dados da Coordenadoria de Estatística e Pesquisa do Tribunal, casos novos e recursos somaram 170.980 processos entre 1º de janeiro a 30 de junho. Foram solucionados, no mesmo período, 170.105. 

Inscrever-se em Comunicação Social